A foto viralizou na internet e mostra humanidade e solidariedade entre as mães, em tempos de guerra

A guerra da Rússia contra a Ucrânia já fez milhares de vítimas. Por isso, famílias que vivem em áreas de conflito tentam, todos os dias, deixar suas casas e toda a sua vida para trás, em busca de segurança. Uma das principais rotas de fuga dos ucranianos é a Polônia, país vizinho. Estima-se que cerca de 100 mil pessoas cruzem a fronteira todos os dias, em fuga de tiros, bombas e tanques militares russos.

+ É hora de formar sua rede apoio materno

Mães polonesas deixam carrinhos de bebê à espera de mães ucranianas refugiadas, em estação
Mães polonesas deixam carrinhos de bebê à espera de mães ucranianas refugiadas, em estação (Foto: Twitter Francesco Malavolta)

Um registro, feito pelo fotojornalista italiano Francesco Malavolta, viralizou na internet e é a mostra de que mães se sensibilizam por outras mães, em situações difíceis, e colocam a ajuda em prática. A imagem mostra uma série de carrinhos de bebê enfileirados, em uma plataforma de uma estação ferroviária na Polônia. De acordo com o jornal italiano Corriere della sera, os carrinhos foram deixados ali por mães polonesas, que pensaram na chegada de mães ucranianas com seus bebês nos braços e sem recursos. A ideia é facilitar a jornada delas e dos pequenos a um local seguro. Além dos carrinhos, elas deixaram roupas, cobertores e fraldas.

Publicidade

Para conseguirem fugir da Ucrânia, famílias inteiras, com mulheres e bebês inclusos, precisam deixar tudo para trás. Nem sempre dá para levar pertences, sobretudo grandes, como os carrinhos. Chegar em outro país é uma vitória por si só, mas não é fácil continuar o trajeto em busca de um abrigo seguro com um bebê nos braços.

A foto marca a sororidade entre as mães e mostra que estamos sempre juntas e erguendo umas às outras em tempos tão difíceis. O que você pode fazer por outra mãe hoje? O que já fizeram por você?

 

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.