Dá para acreditar que seu bebê já tem mais de 10 cm? O tamanho é parecido com o de uma maçã! Para quem era um grão de feijão até outro dia, hein? É bem provável que, com 15 semanas de gravidez, já dê para notar sua barriguinha aumentando de volume, principalmente se esta não for sua primeira gestação. Chegou a hora em que fica mais tranquilo usufruir, sem constrangimentos, de benefícios como atendimento preferencial ou prioridade no assento em restaurantes, salas de espera e no transporte público. 

Publicidade
Bebê com 15 semanas de gravidez
15 semanas de gravidez: o que está acontecendo com o seu bebê? (Foto: Shuttertock)

+ Nomes femininos curtos, que são tendência

Na verdade, você tem esse direito desde o momento em que descobre que está esperando um bebê, mas, na vida real, muitas mães acabam ficando com vergonha ou acham que não têm necessidade nas primeiras semanas. Mas não hesite em exigir os benefícios, já que eles não existem à toa. Grávidas não devem passar tanto tempo em pé, para não sobrecarregar o corpo, os músculos e a circulação. Sobretudo, é importante sentar se for usar o transporte público, por exemplo. Isso porque fica muito mais perigoso cair e se machucar nessa fase da vida. Melhor não arriscar, não é mesmo?

Enxoval de bebê: o que você realmente precisa comprar

Publicidade

15 semanas de gravidez: como está o seu emocional?

Muitas mães se sentem confusas e estressadas, não só por todas as mudanças e preocupações, como por ação dos hormônios. Tente relaxar sempre que possível, fazendo atividades que te dão prazer, como assistir a um bom filme, ouvir sua música preferida, caminhar ao ar livre… Para algumas mulheres, massagens, meditação e algumas terapias, como o uso de florais, ajudam. A princípio, não há contraindicação, mas não custa conversar com seu médico. Só não deixe de cuidar de você

+ Grávida e gripada: o que fazer?

Sua barriga coça?

É normal sentir um pouco de coceira e ressecamento na pele, sobretudo na área da barriga. Esse é outro acontecimento cuja culpa pode ser colocada nos hormônios da gestação. Além disso, a pele está esticando para poder abrigar o novo tamanho do seu útero, com bebê, placenta, bolsa amniótica e todo o pacote. Os seios também ganham volume e crescem. 

Use um hidratante neutro, de preferência hipoalergênico para ajudar a aliviar a sensação de repuxamento e na coceira. No entanto, se o sintoma estiver exagerado e for intenso, comente com seu médico. Pode ser um sinal de uma complicação que afeta o fígado, chamada colestase. 

Almofada para Gestante de Apoio Joelho e Coluna – M&C

O que acontece aí dentro, com 15 semanas de gravidez?

Podemos definir essa semana como uma fase de “testes”: seu filho engole o líquido amniótico, que será digerido em seus intestinos, testando o sistema de absorção. Para aprender os movimentos de sucção, como fará futuramente com o leite materno, ele se esforça para sugar o líquido – e também o respira, fazendo-o percorrer brônquios, bronquíolos e alvéolos.

O bebê já movimenta pernas, braços, dedos, pulso e até o pescoço. E, apesar de você não notar, se diverte se virando de um lado para o outro e tem soluços com uma certa frequência. O padrão de cabelo do seu filho já está determinado, mas isso não significa que ele virá ao mundo cheio de fios.  

+ Grávida pode comer camarão e outros frutos do mar?

Nessa fase, ele desenvolve uma camada de pelos em volta de todo o corpo chamada de lanugo. Parte desses pelos permanecerá até o nascimento, mas depois cai. É uma proteção extra contra lesões e também ajuda a manter a temperatura corporal do seu filho, enquanto ele está mergulhado no líquido amniótico. Seu filho também já tem pequenos cílios e uma fina sobrancelha. Apesar de permanecerem fechados, os olhos têm sensibilidade a muita luz.

+ O desenvolvimento do bebê de 16 semanas

+ Exames importantes do segundo trimestre

+ Seios em preparo para a amamentação

Quer saber mais? Assine nossa newsletter e receba toda semana mais matérias sobre como o seu bebê está se desenvolvendo. É rápido e gratuito.

Publicidade