Com 11 semanas de gravidez seu bebê atingiu o tamanho de 45 mm, aproximadamente. Imagine uma noz inteira: é mais ou menos por aí. Entre esta semana e a 14ª, você poderá ver seu filho, aí dentro da barriga. Isso porque é neste período que os obstetras recomendam a realização do ultrassom morfológico do primeiro trimestre. Além de permitir a tão sonhada espiadinha, o exame detecta malformações e alterações cromossômicas. Ah, e muito provavelmente você conseguirá ouvir os batimentos acelerados do coraçãozinho. Que emoção!

+ Qual carrinho de bebê comprar?

Bebê com 11 semanas de gravidez

11 semanas de gravidez e muita evolução à vista

Nessa fase, uma fina camada de pele se forma sobre o corpinho do seu bebê. Unhas minúsculas também começam a surgir e os ossos ficam mais rígidos. A cabeça tem quase a metade do comprimento do corpo, o que mostra a maneira acelerada do crescimento nos últimos dias. Ele brinca bastante em seu ventre, embora você não consiga sentir ainda.

+ Parto normal ou cesárea? Quem decide?

Um órgão totalmente novo: a placenta!

Agora, seu bebê não se alimenta mais por meio do saco vitelino. Ele já pode contar com as funções importantíssimas de um órgão, criado pelo seu corpo especialmente para cuidar dele dentro do útero: “Muito prazer, eu sou a placenta!”. Sim, sua placenta provavelmente já entrou em ação com 11 semanas de gravidez. É ela quem fornece, a partir de agora, os nutrientes e o oxigênio de que seu bebê precisa para se desenvolver de maneira saudável. Ela também transporta os resíduos eliminados pelo seu filho para fora. 

+ O que é feito com a placenta depois do parto?

Seu corpo com 11 semanas de gravidez

Se você espera gêmeos ou se já tiver engravidado anteriormente, provavelmente, sua barriga já está aparecendo. Se não, pode ser que ainda não fique tão claro para o mundo que, sim, tem uma vida nova aí dentro. Mas calma que nas próximas semanas isso deve mudar. 

Você se aproxima do fim do trimestre considerado o mais difícil pela maioria das mães: o primeiro. Nos próximos dias, é provável que seus hormônios comecem a se acalmar e, assim, é possível que os enjoos e o cansaço diminuam drasticamente. Segundo trimestre, aí vamos nós!

E mais:

+ O desenvolvimento do bebê de 12 semanas

+ Ultrassom morfológico: o que é e quando fazer

+ Menino ou menina? Chegou a hora de descobrir

Quer saber mais? Assine nossa newsletter e receba toda semana mais matérias sobre como o seu bebê está se desenvolvendo. É rápido e gratuito.