Um dos principais itens do enxoval é o carrinho do bebê. Pode parecer simples, mas quando você começa a pesquisar, dá até um nó na cabeça. São tantos modelos, preços, acessórios… É um investimento alto! Antes de saber quais serão as suas reais necessidades com a chegada do bebê, não é fácil saber qual tipo de carrinho é melhor comprar. 

+ Como escolher o melhor bebê conforto?

Para ajudar as mães e os pais de primeira viagem a fazerem a melhor escolha, de acordo com orçamento, custo x benefício, espaço disponível para guardar, segurança e outros detalhes, conversamos com uma especialista no assunto. Com ajuda da consultora de enxoval e CEO da Mommy’s Concierge, Lory Buffara,  e Fabiana Milan, diretora de marketing da Alô Bebê, respondemos às principais dúvidas dos pais na hora de comprar o carrinho do bebê. 

Qual é a primeira coisa a se pensar na hora de decidir qual carrinho de bebê comprar?

O primeiro passo é pensar na categoria que você deseja. As principais são: carrinho full size (que é bem confortável bebê e pode andar em qualquer terreno), carrinho tamanho intermediário e carrinho compacto (ideal para viagens). Definindo isso, fica muito mais fácil ver as melhores opções para o seu estilo de vida. Observe também o estilo de vida da família e o que vocês mais gostam de fazer: se viajam bastante, praticam esportes, se precisam de algo mais prático, mais compacto…

Carrinho de Bebê Moodd Quinny, Pink Passion

Os carrinhos da marca Quinny viraram objetos de desejo entre pais e mães. O preço é mais elevado, mas o carrinho é resistente e pode ser usado desde o nascimento até os 25 kg. O sistema de suspensão com rodas grandes e resistentes torna o passeio mais agradável, mesmo em terrenos mais difíceis. O design chama a atenção

+ 9 dicas de compras de roupas para a grávida

Qual é o melhor momento para comprar o carrinho do bebê?

O carrinho de bebê é uma das escolhas mais importantes do enxoval, afinal, estamos falando de um produto que tem um valor agregado mais alto e que é usado desde o primeiro mês de vida. Por isso, o ideal é pensar na compra ainda durante a gestação. A maioria das famílias prefere comprar um carrinho maior para usar nos primeiros meses, já que isso permite que o bebê fique mais confortável. Em muitos modelos, dá para encaixar o bebê conforto e o moisés. Mais para frente, você pode optar por um modelo menor, mais compacto, ideal para viajar e usar em saídas mais rápidas.

Que tipo de carrinho é melhor para os bebês recém-nascidos?

O mais indicado para o bebê recém-nascido é o moisés, que permite que o bebê fique  deitado em um ângulo de 180°, ou seja, totalmente reto, que é a posição recomendada pelos pediatras. Verifique sempre a indicação de idade do modelo escolhido para saber se pode ser usado desde os primeiros dias de vida. Existem carrinhos de bebê que já vêm com uma boa inclinação, mas o ideal é mesmo, para os meses iniciais, é o moisés, que é uma peça que pode ser acoplada na estrutura do carrinho. Ele também é conhecido como “bercinho” e, geralmente, é usado até os 3 meses, mais ou menos. Nessas primeiras semanas, há famílias que usam para deixar o bebê dormindo mesmo, durante a noite, no quarto, perto da cama da mãe. Para isso, vale lembrar que o carrinho precisa ter recline total, para permitir a posição completamente horizontal.

Compacto e fácil de abrir e fechar, o Goody, da Chicco, é boa opção para quem tem pouco espaço

O que é um carrinho de bebê reversível?

Carrinho de bebê reversível é aquele que permite que o bebê fique virado para quem empurra ou na posição contrária, de frente “para o mundo”. É um ponto importante porque, quando o bebê é menor, os pais preferem observá-lo sempre, para saber se dormiu, se acordou, como está a expressão. No entanto, conforme cresce e ganha autonomia, ele vai querer olhar para frente e interagir com o ambiente ao redor. 

+ 11 dicas para levar o bebê ao restaurante e retomar a vida social

Que tipo de material é melhor para um carrinho?

O alumínio é um dos melhores materiais para a estrutura de um carrinho de bebê, porque é leve e dura mais tempo. Sobre o tecido, é bom checar se é lavável, fácil de limpar. Evite também os tecidos muito grossos, que podem incomodar o bebê. Já a escolha das rodinhas vai depender dos locais em que você pretende usar o carrinho. Em ruas irregulares, as rodas grandes funcionam melhor. Em superfícies mais planas, as rodinhas menores podem atender às necessidades.

CONHEÇA TAMBÉM:

Como saber se um carrinho é seguro?

Verifique se o carrinho que você escolheu tem um cinto de segurança de cinco pontos, que é a forma como o bebê fica mais preso. Observe também se existe freio e, mais do que isso, se o acesso a ele é fácil. O sistema de suspensão (que amortiza o impacto do carrinho com o chão durante o movimento) é outro item importante, porque torna o carrinho mais seguro e confortável, tanto para o bebê, como para quem empurra. O eixo da coluna e do pescoço do recém-nascido é frágil e quanto menos impacto, sobretudo nos primeiros meses, melhor. Observe também se o produto tem o selo do Inmetro – aqui no Brasil, a legislação exige que todos tenham.

Carrinho de Bebe Moises Kiddo Eclipse Melange

O Kiddo Eclipse Melange pode ser usado como moisés e carrinho de passeio. Ele também serve como travel system, ou seja, dá para encaixar o bebê conforto da mesma linha (vendido separadamente). A estrutura de alumínio faz com que o produto seja leve e fácil de transportar. O assento é reversível

Carrinho de bebê: é melhor comprar o de três rodas ou o de quatro?

Rodas grandes e únicas são recomendadas para pisos irregulares, como areia, por exemplo, e também para famílias que praticam caminhadas e corridas. Os de quatro rodas são melhores para pisos mais lisos e estáveis. 

Compensa mais comprar um carrinho padrão ou aqueles do tipo travel system, com bebê conforto e moisés que encaixam na base?

O cenário ideal para ter um carrinho bem completo é optar pelo carrinho de bebê, mais um moisés e um bebê conforto. Existem marcas que vendem estilo travel system, com dois ou mais produtos juntos. Algumas marcas vendem tudo separado, mas o preço de um combo compensa, porque oferecem desconto. Compare para entender qual é o melhor custo-benefício. Os carrinhos com bebê conforto compatível, que encaixa na base, tem uma vantagem: se o bebê dormir no carro, durante um passeio, você não precisa correr o risco de acordá-lo para passá-lo para o carrinho. 

CONHEÇA TAMBÉM:

 

Guardar o carrinho também pode ser um desafio, dependendo do modelo. Como escolher o melhor, dependendo do espaço que ocupa em casa ou no porta malas do carro?

Esse é um detalhe muito importante! O ideal é sempre medir o porta-malas e ver se o carrinho vai entrar, pois existem carrinhos grandes que não entram em vários carros compactos. A grande vantagem dos carrinhos compactos é que você pode transportá-los até dentro do carro mesmo, embaixo dos pezinhos do bebê, pois eles ocupam pouco espaço.

Que tipos de modelos são mais fáceis e práticos de abrir e fechar? 

Basta ser pai ou mãe para perceber que dois braços são pouco perto de tudo o que tem para carregar. É o bebê, a bolsa dele, a sua bolsa, sacolas, enfim.. Vira uma confusão na hora de sair. Quais carrinhos são mais práticos para ajudar no dia a dia? A resposta, nesse sentido, está nas versões compactas, que são menores e mais fáceis de carregar. Eles também costumam ser mais leves e fechar de forma simples e rápida. Prefira os modelos possíveis de fechar até com uma mão. A maioria dos carrinhos vem com uma bolsa na parte inferior, onde dá para colocar muitas coisas, já que, sim, saímos de casa carregando o mundo (o bebê precisa de troca de roupa, lanchinho de leite, fraldas, etc). 

Um carrinho de bebê bom é necessariamente um carrinho mais caro? Ou existem modelos mais baratos, que podem funcionar?

Geralmente, os carrinhos mais caros vão ter uma qualidade superior, já que o acaba aumentando o valor é o tipo dos materiais usados na fabricação. Um carrinho com estrutura de alumínio vai ser mais caro que um carrinho com estrutura em plástico, mas vai durar mais. Aí vai do que cada pessoa precisa e pode pagar. Existem também tecidos tecnológicos, com proteção solar, que também têm mais valor agregado. Como um carrinho é um item que dura muito tempo, dentro das suas possibilidades, vale investir em um de boa qualidade, pois você poderá usar para vários bebês.

 

Carrinho com bebê conforto Sky Trio Travel System, Infanti

O travel system Sky Trio, da Infanti, vem com bebê conforto e base para instalação isofix, considerada mais prática e segura do que usar o cinto de segurança

O carrinho de passeio, o chamado “guarda-chuva”, é usado quando o bebê já está maiorzinho. Existe algum modelo que possa ser usado em todas as fases do bebê ou não tem jeito: primeiro é preciso comprar um carrinho para o recém-nascido e, mais adiante, trocar por um modelo que comporte crianças maiores?

O termo guarda-chuva ficou um pouco ultrapassado, pois esses modelos eram carrinhos que fechavam como um guarda-chuva mesmo, ou seja, eram compridos e acabavam não ficando tão compactos. Hoje, os carrinhos compactos fecham em formato quadrado, justamente para facilitar na hora de guardar. Eles costumam caber, por exemplo, em cabines de avião, em um cantinho do carro… Existem, sim, modelos que são compactos e que você pode usar desde recém-nascido até mais ou menos uns 4 anos.

Até que idade a criança pode usar o carrinho?

A criança pode usar o carrinho até 4 a 5 anos, principalmente em situações de viagens ou quando é preciso caminhar muito e ela fica cansada. Depois disso, acaba não tendo mais interesse. Mas, no geral, o período em que mais se usa é entre o primeiro e o segundo ano de vida do bebê. É muito importante observar o peso limite do carrinho escolhido. No Brasil, o Inmetro certifica os carrinhos para crianças de no máximo 15 kg.

E mais: 

+ Móbiles: vale a pena comprar para o berço do seu filho?

+ Como deixar a casa segura para o bebê

Quer saber mais? Assine a newsletter de BabyHome e receba toda semana mais dicas sobre como o seu bebê está se desenvolvendo. É rápido e grátis.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *