Você deve estar no auge da ansiedade, eufórica e preocupadíssima ao mesmo tempo. Se for mãe de primeira viagem, talvez experimente um receio nunca antes vivenciado. Afinal, foram muitas as dicas, as informações, as histórias e os conselhos ouvidos nos últimos nove meses.

Saiba, porém, que o parto e a maternidade em si são experiências únicas para cada mulher. Uma possível dor, por exemplo, pode ser mais ou menos intensa conforme o estado de relaxamento e preocupação da gestante. Por isso é fundamental, na hora H, experimentar e encontrar a posição mais adequada para você. E tentar relaxar enquanto o trabalho de parto expulsivo não começa.

PUBLICIDADE

Como acelerar o trabalho de parto?

Caminhar e se mexer é sempre a melhor solução. Há grávidas que dançam para aliviar as dores e induzir a dilatação, por exemplo. Exercícios na bola, com alongamentos, ajudam a aliviar a tensão e reduzir as dores. Massagens também têm esse efeito benéfico, já que o intuito é o corpo liberar substâncias ligadas ao bem-estar. Até mesmo ter relações sexuais é indicado como forma de acelerar o trabalho de parto.

PUBLICIDADE

+ Como tornar o trabalho de parto mais tranquilo e aliviar a dor

Sinais de parto próximo

Relembrando: os principais sinais de parto são as contrações regulares que se tornam mais constantes e intensas conforme o tempo passa, o “tampão mucoso” que sai pela vagina até duas semanas antes do nascimento do bebê e a ruptura de membranas, ou seja, a bolsa estourando (não precisa sair correndo, desesperada, para a maternidade quando a bolsa estourar, o nascimento não é imediato).

Caso precise ser submetida a uma cesárea, descanse e mantenha a calma até o momento do procedimento – e, acredite, parece que o corpo “sabe” que o seu filho vai chegar, pois há relatos de parturientes que sentem o colostro descer a caminho da sala de parto.

Muito em breve você vai sentir o calor, em seus braços, da criaturinha mais linda do universo: o seu filho. E BabyHome, assim como fez desde o início dessa jornada, estará a postos para oferecer informação de qualidade, segurança e apoio para você acompanhar os primeiros meses e os primeiros anos de desenvolvimento de seu filho. Conte com a gente!

PUBLICIDADE

E mais:

+ O que fazer se a sua gravidez passar de 40 semanas

+ Como é a “temporada” na maternidade?

+ Saiba quais intervenções podem ocorrer durante o parto

Quer saber mais? Assine nossa newsletter e receba toda semana mais matérias sobre como o seu bebê está se desenvolvendo. É rápido e gratuito.

Ei, gostou do conteúdo?
Então não deixe de assinar nossa newsletter e receba os melhores conteúdos sobre gravidez, maternidade e o mundo dos bebês. Além disso, receba grátis também 3 livros infantis em formato de e-book.

    É Gratuito ;)

      Ei, gostou do conteúdo?
      Então não deixe de assinar nossa newsletter e receba os melhores textos sobre gravidez, maternidade e o mundo dos bebês.
      É Gratuito ;)