Exercícios de relaxamento e caminhadas leves a moderadas podem ser feitos depois da sexta semana pós-parto, no caso de partos normais, ou a partir da oitava, para cesáreas. No entanto, vale lembrar que cada mulher tem seu ritmo de recuperação e sua forma de lidar com as demandas com o bebê e demais tarefas. Por isso, se você ainda não se sente pronta para voltar à ativa, nada de alimentar a culpa. Respeite o seu tempo e os seus limites.

Agora, caso você não veja a hora de reiniciar seu programa de exercícios ou de começar a praticar uma atividade física, converse com seu obstetra. Ele deve analisar sua cicatrização, o estado dos seus órgãos e a sua condição física, de maneira geral. Provavelmente você não vai, de cara, pegar peso excessivo, abusar da repetição de séries ou encarar várias braçadas na piscina logo na primeira aula.

Aliás, a volta às piscinas costuma demorar de 30 a 45 dias após o nascimento, pois é preciso que o colo do útero esteja bem fechado, para evitar infecções.

Dê um tempo para seus órgãos

Lembre-se: seu corpo passou por transformações profundas nos últimos meses e demora cerca de nove meses, aproximadamente, para tudo voltar ao normal e seu corpo estar preparado para uma nova gestação. Aliás, se você amamenta, os hormônios continuam em plena atividade e exagerar no exercício físico pode prejudicar a amamentação – o próprio aleitamento já ajuda a queimar até 700 calorias por dia. O recomendado é evitar exercícios intensos ou treinos de uma hora ou mais.

+ 10 bons motivos para amamentar

Além disso, seu sono e o nível de energia provavelmente continuam afetados, então aposte num ritmo mais lento pelo menos no início. De qualquer forma, a cada semana que passa o aumento de peso do seu bebê já vai dar “aquela” estimulada nos membros superiores, não é?

E mais:

+ Cuide bem da sua alimentação no pós-parto

+ Que tal cuidar um pouco mais de você, mãe?

+ Precisamos falar sobre pós-parto

Quer saber mais? Assine nossa newsletter e receba toda semana mais matérias sobre como o seu bebê está se desenvolvendo. É rápido e gratuito.

Ei, gostou do conteúdo?
Então não deixe de assinar nossa newsletter e receba os melhores conteúdos sobre gravidez, maternidade e o mundo dos bebês. Além disso, receba grátis também 3 livros infantis em formato de e-book.

    É Gratuito ;)

      Ei, gostou do conteúdo?
      Então não deixe de assinar nossa newsletter e receba os melhores textos sobre gravidez, maternidade e o mundo dos bebês.
      É Gratuito ;)