Para inspirar você, BabyHome lista aqui os 10 carrinhos de bebê mais vendidos no ano, com os pontos fortes e fracos de cada um e a opinião de quem comprou e usou. Escolha o seu!

O carrinho de bebê está entre os principais itens do enxoval – e também é um dos mais caros. Por isso, é preciso pensar bem e fazer todas as comparações possíveis na hora de comprar o seu. No mercado, existem modelos de vários tipos, tamanhos, com rodas grandes, pequenas, com encaixe para bebê conforto… Antes de decidir, é preciso analisar os detalhes, o orçamento disponível e o que mais atende ao estilo de vida da família. Tudo para não jogar dinheiro fora e, lá na frente, se arrepender da compra. 

Além de acessar o guia que BabyHome preparou, com as principais perguntas e respostas sobre o tema, ajuda muito saber a opinião de quem já comprou e usou. Por isso, fizemos uma lista com os 10 modelos mais vendidos, segundo a Amazon, e os prós e contras de cada um, com base nas características de cada produto e nas avaliações das famílias. 

Publicidade

1.Travel System Reverse Cosco

Um dos mais econômicos dentro dos modelos travel system, ou seja, com bebê conforto que pode ser usado também com a base do carrinho. Se o bebê dormiu no carro, você não precisa correr o risco de acordá-lo, tirando-o da cadeirinha. É só encaixar o acessório sobre a base do carrinho. A alça é reversível e, durante o passeio, o bebê pode ficar tanto de frente para os pais, como de frente para o mundo. Reclina em três posições para deixar a criança mais confortável acordada ou durante a soneca. A estrutura é de plástico e metal – material não tão durável e leve como o alumínio. As partes de tecido são de poliéster. Fica compacto ao fechar. A manopla é baixa e pode ser um pouco desconfortável empurrar se você for um pouco mais alto. As quatro rodinhas também são de plástico.

Carrinho De Bebê Travel System Reverse Preto – Cosco

2. Travel System Poppy Duo, Cosco

O segundo carrinho mais vendido é de uma linha um pouco mais premium (e com o valor também um pouco maior) do que o Reverse. Travel system, vem com bebê conforto, que pode ser encaixado sobre a base do carrinho. As rodas de trás são grandes e facilitam andar em terrenos menos regulares, mas também tornam o carrinho menos compacto. Ele ocupa espaço e, dependendo do tamanho do porta malas do carro, é preciso tirar as rodas para caber. Pode ser usado como moisés. A manopla é reversível e levanta para ajuste de altura. A estrutura é de plástico e metal, o que não deixa o carrinho tão leve e fácil de transportar de um lugar para outro.

Carrinho de Bebe Travel System Poppy + Bebe Conforto – Cosco

3. Travel System Mobi Safety 1st

A Safety 1st é uma das marcas mais conceituadas pelos pais atualmente e o Mobi é o favorito. Mais um do tipo travel system, também com bebê conforto, mostrando que essa praticidade é preferência entre as famílias. O assento do carrinho pode ser usado em quatro posições diferentes, inclusive totalmente na horizontal, como um moisés. Com detalhes em couro, é fácil de limpar. A estrutura é de alumínio, o que torna o carrinho resistente e leve, fácil de transportar. Tem três rodas, sendo as duas de trás maiores e a da frente, dupla. O cesto sob o assento é amplo e suporta até 5 kg. O cesto pode ficar virado para os pais ou para o mundo. Mesmo fechado, o carrinho ocupa espaço e quem tem carro com porta-malas pequeno ou pouco espaço em casa pode ter dificuldade de armazenar. 

Carrinho Travel System Mobi TS Black Gold – Safety 1st

4. Travel System Jetty Duo Cosco

Mais um travel system no ranking, o Jetty Duo pode ser encontrado por um valor econômico, mesmo junto com o bebê conforto. Tem três rodas de tamanho igual, sendo a da frente dupla. Em algumas avaliações, há reclamações sobre o travamento da roda dianteira e sobre o fato de elas ficarem gastas rapidamente, por conta da espessura e do material plástico. O assento reclina e pode ser usado em posição de berço. O carrinho é fácil de fechar e fica compacto. Não é reversível e só pode ser usado com o bebê voltado para o mundo. O bebê conforto tem almofada que adapta o assento, tornando-o mais confortável para o recém-nascido.

Carrinho de Bebê Travel System Jetty Cinza – Cosco

5. Carrinho de Bebê Up!, Burigotto

Um compacto ocupa a quinta posição da lista. O Up!, da Burigotto, tem como principais vantagens o fechamento rápido, o fato de ocupar pouquíssimo espaço e de ser fácil de transportar. Leve e de alumínio, conta com uma alça, para carregar no ombro, como uma bolsa. Suporta de recém-nascidos a crianças de até 15 kg e pode ser reclinado em várias posições diferentes. Não é tão confortável para os pequenos como os carrinhos mais robustos, mas pode ser usado por bastante tempo, com segurança. Ótima opção para quem viaja ou passeia bastante. A cestinha porta-objetos na parte debaixo também não é muito grande. 

Carrinho de Bebê Compacto Travel System Up! Cinza – Burigotto

 

6. Travel System Mini Duo, Cosco

Travel system com carrinho compacto, perfeito para quem tem pouco espaço e pretende passear bastante com o bebê. Com estrutura de alumínio, é leve e resistente, além de ter fechamento fácil e prático. Tem uma alça que sobe e deixa o carrinho parecido com uma mala de rodinha, facílimo de transportar. A capota tem proteção solar UV 50+. O bebê conforto tem redução acolchoada para acomodar melhor os bebês pequenos. A alça não é reversível e, por isso, não é possível usar com a criança de frente para os pais. 

Carrinho de Bebê Travel System Minny Duo – Cosco

7. Carrinho de bebê Chicco Trolleyme Stone, Chicco

Mais uma opção da categoria compacta, esse carrinho não é Travel System, mas é outra boa escolha para as famílias que passeiam bastante. É leve e fácil de abrir e fechar. Também fica parecido com uma mala de rodinha, com uma alça suspensa para carregar. Não ocupa muito espaço em casa e nem no porta-mala. As quatro rodas são pequenas e pode haver dificuldade em terrenos irregulares. Não é reversível, o bebê só fica virado para o mundo e não para os pais. Tem várias posições de recline. 

Carrinho de Bebê Trolleyme Stone Graphite – Chicco

8. Carrinho de bebê Upper, Tutti Baby

As quatro rodas duplas e emborrachadas são o ponto forte desse carrinho. Elas giram em 360º e facilitam os passeios, mesmo em terrenos mais irregulares. A manopla é reversível e permite que o carrinho fique virado para frente ou para os pais. É travel system e dá para encaixar quatro diferentes modelos da mesma marca – que não acompanham o produto e devem ser adquiridos separadamente. É fácil de abrir e fechar e ocupa pouco espaço, bom para quem mora em apartamento ou tem carro hatch e precisa transportar bastante o carrinho. O encosto é regulável em 4 posições diferentes. 

Carrinho de Bebê Travel System Upper – Tutti Baby

 

9. Carrinho London, Chicco

Simples e fácil de fechar e de carregar, também é um ótimo carrinho de passeio. Como a maioria com essa característica, deixa a desejar no conforto do bebê, principalmente dos menores. Alguns pais adaptaram a questão usando colchõezinhos comprados à parte. As quatro rodas são pequenas e duplas. Também é prático para limpar. No entanto, muitas partes da estrutura são mais frágeis, por serem de plástico. Boa opção para viagens com crianças maiores, que cansam de caminhar. Assim, você continua batendo perna, enquanto seu filho vai sentado e confortável. 

Carrinho de Bebê Passeio London Red Passion – Chicco

10. Zap Burigotto

Carrinho simples, mas que atende às necessidades de quem precisa de um modelo compacto para bater. Fica pequeno e ocupa pouco espaço quando fechado, pode ser levado facilmente no porta-malas. A capota é extensível e regulável, além de contar com visor. Fecha e tem alça para carregar, como mala de rodinhas. Dá até para levar no banco do passageiro do carro, sem estresse! Pode ser usado como travel system, com a cadeirinha Touring X, da mesma marca (vendida separadamente). 

Carrinho De Passeio Zap Black – Burigotto

Não achou o carrinho que procurava? Veja outros aqui!

TODOS OS CARRINHOS DE BABYHOME

 

Publicidade

2 thoughts on “Os carrinhos de bebê mais vendidos de 2021

  1. Pingback: Banheira do bebê: qual comprar? - BabyHome

  2. Pingback: Roupa de grávida: comprar ou reaproveitar? - BabyHome

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.