Os primeiros meses após a chegada de um filho são repletos de cuidados, insegurança e muito cansaço. Quando a rotina se reequilibra, muitas famílias sonham com a primeira viagem com o bebê em busca de alguns dias fora da rotina em um lugar diferente. É possível realizar esse desejo sem imprevistos. Planejamento é o caminho. Nossas dicas podem ajudar.

Publicidade

+ Seu bebê pronto para a primeira viagem longa

Idade ideal para viajar com o bebê

Difícil definir. A maioria das companhias aéreas aceitam bebês com sete dias de vida. Apesar da angústia, é importante lembrar que antes dos seis meses, os cuidados são básicos: amamentação ou fórmula, fralda limpa e sono em dia. Ainda não há a preocupação com a alimentação. Isso pode ser uma facilidade e tanto de acordo com o destino escolhido.

O mais importante, no entanto, é alinhar com o pediatra. A maioria dos especialistas sugere que os pais esperem o bebê completar três meses para reforçar a imunidade e tomar a primeira leva de vacinas.

+ Que cuidados ter com o bebê na praia

Acerte no destino na primeira viagem

Crianças podem ir para qualquer lugar. O importante é alinhar expectativas. Ou seja, você pode optar por uma aventura com trilhas e cachoeiras. Mas deve saber que o bebê ficará no colo o tempo todo, assim como a mala com os itens básicos da criança. Isso também vale para um destino de praia. Antes de decidir, leve em consideração a época do ano e, claro, fique de olho na previsão do tempo.

+ Quando é hora de trocar a cadeirinha do carro

Publicidade

O que observar em hotéis e pousadas

Caso opte por um hotel, é importante checar se ele oferece banheira, berço ou grade de proteção para a cama. Confira também se há copa infantil para esquentar a mamadeira à noite, por exemplo, e opções adequadas no cardápio. Brinquedoteca e outras atrações para os pequenos tornam a diversão ainda mais intensa. Em tempos de pandemia, certifique-se que o hotel escolhido está seguindo os protocolos de segurança.

+ 11 dicas para levar o bebê ao restaurante e retomar a vida social

Economize na bagagem

Para tornar a viagem mais prática, evite exagerar na mala. Acompanhe a previsão do tempo para montar looks com peças que combinem entre si. Não esqueça de sapatos confortáveis, pijamas, sacos para guardar roupas sujas e molhadas e brinquedos e livros para entreter seu filho durante o trajeto.

Evite imprevistos

Lembra da máxima que diz melhor pecar pelo excesso? Essa vale para viagem com bebês. Primeiro de tudo, peça ao pediatra uma lista de medicamentos que devem constar na nécessaire. Não esqueça de repelente e protetor solar para os maiores de seis meses. Se a viagem for internacional, não esqueça do seguro-viagem. Se o passeio for pelo Brasil, a carteirinha do convênio vai junto com os documentos da família.

Mantenha a calma

Esqueça as viagens que você fazia antes de ter filhos. A partir de agora, o ritmo é mais lento, com menos atividades durante o dia, períodos de descanso e programação sujeita a mudanças. Para evitar perder tempo em filas, compre ingressos pela internet e pesquise restaurantes com menu infantil. Se acontecer algo diferente do planejado, respire fundo e siga em frente, guardando todas as memórias desse momento tão especial.

Publicidade


E mais:

+ Primeiro passeio com o bebê, um momento especial

+ Como escolher o melhor bebê conforto

+ Atenção às sonequinhas diurnas

 

Quer saber mais? Assine a newsletter de BabyHome e receba toda semana mais dicas sobre como o seu bebê está se desenvolvendo. É rápido e grátis.